Existem vários cuidados a ter em consideração para que o instrumento dure mais tempo e se mantenha com bom som e boa aparência. Nós oferecemos a quem comprar o nosso instrumento uma afinação gratuita, ou seja, ao longo do tempo, se desafinar, podemos voltar a afina-lo gratuitamente. Contudo, em caso de descuidos e acidentes, a re-afinação terá um custo, que dependerá do estrago. Pode entregar o instrumento em mão na nossa oficina ou enviar pelo correio (o custo de envio fica a cargo do comprador).

Vamos então aos cuidados básicos:

  • Nunca deixar nenhuma pessoa que não tenha experiência tocar, sem antes ensiná-la a ter os devidos cuidados, como não bater com demasiada força (isto pode ser o suficiente para desafinar uma nota. Tocar com batentes também pode desafinar com facilidade.
  • Não deixar o instrumento ao sol (nem, por exemplo, no carro num dia de muito calor), tal como não tocar ao sol directo. O sol aquece muito rápido o instrumento e tocar com ele quente pode também desafinar; ainda que não seja muito fácil, pode acontecer. Em caso de sobreaquecimento, é necessário deixar arrefecê-lo antes de voltar a tocar. O frio já não afecta tanto, contudo, não convém ser exposto nem tocado em caso de temperaturas extremas.
  • Não deixar o instrumento exposto a humidades muito altas durante muito tempo (os instrumentos de inox não são tão afectados por este problema). Ainda que os instrumentos actualmente tenham um tratamento contra a oxidação (chamado de nitruração), este poderá não ser o suficiente, se for exposto a este tipo de agressão durante vários anos...
  • Tocar nas praias e junto ao mar também precisa de alguma atenção, devido à humidade e à maresia... Depois de tocar, convém passar um pano (de microfribras que usará só para o instrumento) com álcool. Poderá também passar depois com outro pano (de microfribras que usará só para o instrumento, diferente do outro) com óleo de coco ou o líquido Phoenix Oil (http://www.phxoil.com).
  • Limpar o instrumento com regularidade. As nossas mãos têm gordura, mesmo que não estejam sujas. Assim, convém 1 vez por mês ou 3 a 4 vezes em cada 2 meses (dependendo se estiver num ambiente de maior ou menor humidade), limpar o instrumento. No caso do aço nitrurado, convém antes de colocar o óleo de coco ou Phoenix Oil, passar álcool (com panos diferentes e periodicamente lavar os panos).
  • É necessário muita atenção no transporte do instrumento, sobretudo no que diz respeito à parte das notas. Uma queda ou uma pancada forte pode desafinar e até amolgar o metal. Assim, aconselhamos a fazer a sua própria mala de transporte ou comprar uma- Existem várias opções, recomendamos a HTC (https://www.hardcasetechnologies.com) e Namana Bags (https://namanabags.com). É importante não deixar o instrumento dentro da mala por períodos grande de tempo. Existem formas de o pendurar na parede ou podemos deixá-lo simplesmente no chão, em cima de um pano.
Scroll to top