Sobre Mar Handpan

Localizados em Portugal na área de Santarém. Inicialmente, Ricardo e Maria começaram a descoberta com o objectivo de construírem os seus próprios instrumentos e actualmente aceitam o desafio de construir instrumentos mesmo os pedidos mais complexos.

Em Fevereiro de 2017, Maria Ferreira e Ricardo Azul, juntaram-se nos arredores de Santarém para criarem os seus próprios instrumentos e começaram assim a aventura de construir handpans.

Surge então a marca Mar Handpan, feitos a partir de conchas roladas (em pedidos especiais podemos fazer em conchas prensadas), de 1mm de espessura, 55cm de diâmetro, 26,5cm de altura e 4kg de peso, podendo estas serem em aço nitruradas, aço inoxidável ou aço titânio, e afinadas em 440hz ou 432hz.

Conheça os fabricantes

Entre em contacto para esclarecer dúvidas e marque uma visita para experimentar os nossos instrumentos!

Ricardo Azul

Handpan maker

Apaixonado por música desde que se lembra de existir. Em 2010 realizou os seus primeiros concertos meditativos. Em conjunto com Joana Oliveira desenvolveu o projecto de música meditativa Planeta Azul, juntos editaram em 2013 o CD “Harmonia”, em 2014 “Viagem Interior” e em 2016 “Água”. Em 2017 conhece a Maria e juntos começam a construir os primeiros instrumentos. Em 2019 começou a organizar o Portugal Handpan Festival.

Maria Ferreira

Handpan maker

Nascida em 1967, terapeuta holística. Apaixonada por handpan, numa das suas terapias meditativas, desejou um dia ter um Handpan. Em 2016 começou a construir o seu 1 instrumento tongue drum, seguindo durante um ano a construir esse instrumento, para amigos e também terapeutas. Em Janeiro 2017 numa meditação recebe uma mensagem que no mês seguinte iria começar a construir handpans. Em Fevereiro, Ricardo, que conhecera poucos meses antes, desafia-a a construir juntos Handpans. Seguem juntos nesta constante descoberta.

Descubra os nossos instrumentos

Handpans disponíveis para entrega imediata na nossa loja.

Descubra a sua escala

Quando falamos de escalas, estamos a falar de uma complexidade de sons e de combinações de notas… Esta pode ser a parte mais complexa na hora de escolher um instrumento. Contudo, há escalas que vibram mais connosco, com a nossa energia e, ouvindo as diferentes escalas, poderemos encontrar aquela com a qual simpatizamos mais.

Scroll to top